Várias profissões possuem uma terminologia própria, com palavras que são fundamentais para o cumprimento das funções de forma satisfatória. Sobretudo quem ocupa os cargos gerenciais, como diretores e gestores, precisa entender inteiramente esse vocabulário. Por isso, conhecer os conceitos de TI que todo CIO precisa dominar é muito importante.

Essa é uma área complexa, mas também bastante dinâmica e que vive em constante evolução. Para sobreviver no mercado, é imprescindível se manter atualizado, entendendo todo e qualquer expressão que venha a fazer parte do ramo. Confira o conteúdo a seguir e veja esse pequeno glossário de tecnologia:

1. Big Data

Atualmente, um dos conceitos de TI mais importantes e que qualquer CIO que se preze necessita dominar inteiramente é o de Big Data. O termo é utilizado para descrever os dados estruturados e não estruturados disponíveis nos dias de hoje, sobretudo por conta do uso massivo da internet.

Os maiores desafios nesse contexto incluem a análise, a captura e a curadoria dessas informações, bem como a pesquisa, o compartilhamento, o armazenamento e a transferência de tudo o que pode servir de subsídio para abalizar melhor as decisões ou realinhar as estratégias de um projeto ou até mesmo da empresa como um todo.

2. CEM

A sigla CEM deriva do inglês Customer Experience Management, que em uma tradução livre quer dizer algo como gerenciamento da experiência do usuário. É um termo que deve ter forte relação com o Big Data, pois muitas empresas utilizam os dados coletados para aprimorar a percepção e o relacionamento com o público.

Esse conceito diz respeito à percepção da interação entre uma determinada organização e o seu consumidor por meio da visão e da interpretação do próprio freguês. Pode-se dizer, em outras palavras, que o CEM é a percepção do usuário em decorrência do seu relacionamento com a marca, sobretudo durante o processo de compra.

3. Sistemas de Informação (SI)

A sigla SI quer dizer Sistemas de Informação e a sua diferença básica para a TI é que, enquanto ela corresponde mais a parte técnica, a SI tem relação mais estreita com o fluxo de trabalho, com os profissionais envolvidos e com as informações mais relevantes.

Um Sistema de Informação é a junção de equipamentos e de softwares envolvidos na disseminação dos dados e as empresas o utilizam para fazer os processamentos das transações realizadas e da gestão como um todo, para ter mais embasamento nas decisões.

4. Hardware e software

Esses são mais dois conceitos de TI completamente habituais no mundo da tecnologia e que precisam ser completamente dominados todo CIO que se preze. O hardware é, em linhas gerais, o dispositivo tangível, que está fisicamente ligado ao computador, como a placa de circuito, o monitor e outros aparelhos eletrônicos.

Já o software é o conjunto de instruções que permite aos usuários interagirem com os computadores ou executarem tarefas específicas programadas. Sem esses programas, todos os aparelhos seriam inúteis. Um bom exemplo disso é o seu navegador: sem ele você não seria capaz de acessar a internet.

5. Tecnologia móvel

A tecnologia móvel vem ganhando cada vez mais espaço no Brasil e no mundo, e a tendência é que essa realidade se amplie ainda mais, por conta da evolução dos gadgets e do aumento da eficiência e do alcance das redes de conexão. Como o próprio nome indica, esse conceito diz respeito ao que é portátil e pode ser levado pelo usuário para qualquer lugar.

Alguns dos dispositivos de TI móveis mais notáveis são os notebooks, os netbooks, os tablets e os inúmeros smartphones que temos hoje em dia, além dos famosos sistemas de posicionamento global (GPS). Os terminais de pagamento com cartão de débito ou crédito sem fio também fazem parte dessa realidade.

6. Cloud Computing

O Cloud Computing, que em português quer dizer computação em nuvem, é um conceito de TI que está cada vez mais presente na vida das pessoas. Qualquer CIO ou mesmo um usuário mais habitual de tecnologia está familiarizado com o termo, que disponibiliza diversos benefícios para quem gosta de segurança e praticidade.

Essas palavras se referem ao processamento e à disponibilização de dados virtualmente, que ficam armazenados em vários data centers espalhados pelo planeta. Assim, você dispensa o uso de HDs ou mesmo pendrives para guardar as suas informações. As nuvens podem ser públicas, privadas e híbridas.

7. Sharing economy

A Sharing economy ou cultura de compartilhamento de recursos humanos e físicos é uma tendência que está em forte crescimento no mundo todo. Você já deve ter ouvido falar disso em notícias ou mesmo usando aplicativos que possibilitam que as pessoas dividam suas casas e veículos, por exemplo.

A economia colaborativa se vale das possibilidades de TI para capacitar os seus usuários e também abastece os meios adequados para operacionalizar essa realidade dividindo esses recursos.

8. Drone delivery

A entrega de produtos por meio de drones parecia coisa de ficção científica, mas o fato é que essa realidade já existe e está se popularizando em diversos países, ajudando a tornar vários serviços mais eficientes e até mais baratos. O conceito nada mais é do que fazer a logística de encomendas por meio desses aparelhos.

Sobretudo em grandes capitais e metrópoles essa alternativa já está entrando em operação, disponibilizando entrega rápida de pacotes, suprimindo o tempo de espera e simplesmente eliminando os custos com o trabalho humano.

9. Carros autônomos

Outro dos conceitos de TI que precisa ser conhecido, até porque ele deve dominar as ruas do mundo nos próximos anos, é o de carros autônomos. Eles nada mais são do que veículos que dispensam a inteiração do condutor e circulam sozinhos, sem a necessidade da interação dos motoristas.

A tecnologia vem se aperfeiçoando e, o que antes parecia impossível, hoje está em prática. Os processadores melhoraram a sua inteiração com o ambiente e estão tomando decisões de forma autônoma com mais precisão e velocidade. Até a Uber já fez a primeira entrega de carga utilizando um caminhão autônomo.

Esses são os conceitos de TI que todo CIO precisa dominar! Gostou desse conteúdo? Então não deixe de assinar a nossa newsletter!