A tecnologia da informação é fundamental para muitos setores, desde a iniciativa privada até os órgãos públicos. Porém, nem sempre as organizações possuem uma equipe completa para atender a demanda de trabalho, sobrecarregando funcionários e atrasando procedimentos.

Nesse sentido, a Terceirização de serviços de TI pode solucionar muitos problemas. Ela permite a integração entre os sistemas, proporcionando mais agilidade aos processos, diminuindo o trabalho manual e oferecendo mais segurança para as operações. Quer entender melhor as vantagens do Outsourcing de TI? Acompanhe!

1. Redução dos custos

A Terceirização de serviços de TI pode contribuir para diminuir os custos das operações, visto que não é necessário contratar um novo funcionário toda vez que a demanda de trabalho aumentar.

Vale lembrar que uma contratação não envolve apenas o valor do salário, mas investimentos em capacitação, planos de saúde, vale-alimentação, impostos decorrentes da admissão, pagamento de previdência, entre outros fatores.

Sem contar que a contratação de novos servidores no serviço público é feita mediante concurso, o que gera morosidade no processo, fazendo com que a admissão leve alguns meses para ser efetivada. Diante de uma urgência, como fica a resolução de problemas com poucos funcionários?

Ao contratar uma empresa para dar suporte ao setor público, ela fica responsável por fornecer toda a assistência necessária, a fim de garantir a continuidade das tarefas de todos os colaboradores.

Além disso, o órgão público contará com uma equipe técnica com o mais alto nível de especialização, contribuindo para levar mais qualidade aos serviços oferecidos.

Ademais, a empresa terceirizada consegue avaliar os processos, corrigir as falhas e apresentar relatórios de desempenho. Desse modo, o diretor consegue avaliar o retorno financeiro obtido a partir da contratação do serviço especializado.

2. Atenção aos processos do setor público

Além de economizar dinheiro, o diretor ganha tempo para acompanhar os processos internos de perto. Assim, consegue planejar melhor as ações, dar mais atenção às dificuldades dos servidores públicos e garantir a transparência dos processos.

Isso também permite que o gestor consiga se concentrar nas suas competências, aperfeiçoar seus conhecimentos sobre os assuntos da sua área e buscar novas soluções para o órgão público, garantindo a credibilidade e uma boa reputação para o setor.

3. Uso de tecnologia de ponta           

As mudanças tecnológicas são constantes, e fica cada vez mais difícil acompanhar as novidades que surgem. Mais ainda quando se trata de adquirir novos equipamentos para o setor público, visto que os processos exigem abertura de licitação, avaliação dos concorrentes e escolha de um vencedor para fornecer os itens.

Ao adotar serviços de Outsourcing de TI, o diretor não precisa mais se preocupar com isso, pois a empresa contratada será responsável por fornecer serviços de ponta para o órgão público.

Além do mais, o setor terá à disposição uma equipe multidisciplinar capaz de resolver todos os problemas que surgirem, tornando os processos mais dinâmicos e ágeis.

4. Maior segurança das informações

Ao contratar uma empresa especializada para fazer o monitoramento da área de TI, o órgão tem mais garantia sobre a segurança das informações. Nesse caso, a prestadora de serviços será responsável por reduzir as vulnerabilidades que podem ocasionar ataques cibernéticos e perdas de dados.

A empresa também consegue controlar o acesso dos usuários ao sistema, evitando que determinadas pessoas façam usos indevidos e utilizem determinadas informações para benefício próprio.

Além disso, os sistemas integrados também favorecem a organização e acesso às informações, evitando o extravio de dados importantes.

Ou seja, é possível controlar quem tem acesso a determinado arquivo, até onde vai esse acesso, saber quando a pessoa visualizou e se fez alterações no documento. Isso traz mais segurança à organização, diminuindo os casos de corrupção e resguardando o órgão público de crimes de responsabilidade.

5. Agilidade nos sistemas

Ao utilizar sistemas oriundos de fabricantes diferentes, muitas vezes, há incompatibilidades nas informações, resultando na falta de padronização nos processos, provocando desentendimentos entre as pessoas e falhas nos sistemas.

Quando uma empresa de TI consegue gerenciar melhor as operações e integrar os sistemas, os servidores públicos têm mais facilidade para inserir informações, acessá-las, fazer as alterações necessárias, enviar os documentos para outros departamentos e, ainda, utilizar todas as funcionalidades que as ferramentas oferecem.

Isso evita erros e dá mais agilidade aos processos, pois as operações são mais rápidas e fáceis, evitando bugs.

Dessa forma, os agentes públicos conseguem desempenhar melhor as atividades, tornando-se mais produtivos e eficientes, garantindo uma boa reputação para o órgão. A sociedade também é beneficiada, pois as demandas são resolvidas com mais rapidez.

6. Maior controle sobre o desempenho da equipe

Com a terceirização dos serviços de TI, o diretor consegue focar a atenção na resolução dos problemas de sua equipe, esclarecendo dúvidas e promovendo a capacitação de todos.

Ademais, ele tem mais tempo para acompanhar o desempenho de cada agente público, cobrando mais produtividade, eficiência, cumprimento de metas e prazos.

Somado a essas questões, algumas empresas terceirizadas disponibilizam recursos tecnológicos que proporcionam mais agilidade nos processos, permitindo a conectividade entre as equipes localizadas em diferentes setores e, com isso, a resolução rápida de problemas.

7. Satisfação dos agentes públicos

Funcionários felizes e satisfeitos conseguem desempenhar as atividades com mais atenção, produzir mais e atender melhor as pessoas que buscam a solução de um problema.

Sendo assim, ao terceirizar os serviços de TI também se consegue obter mais satisfação dos colaboradores, pois eles terão sistemas integrados e de qualidade para trabalhar. Ainda, conseguirão reduzir os retrabalhos, ganhando tempo para pensar em estratégias diferenciadas para a organização e participar de cursos de atualização.

O gerenciamento do setor de TI por uma equipe especializada também contribui para aumentar a comunicação entre os servidores públicos, diminuindo os ruídos internos, reclamações e afastamentos por doenças.

Ou seja, ao melhorar o desempenho das ferramentas utilizadas no dia a dia pelos servidores públicos, adotar tecnologias de ponta, ter um suporte de qualidade e manter um ambiente de trabalho saudável e produtivo, os colaboradores se sentem mais engajados para trabalhar, aumentando a eficiência das atividades do setor público.

Diante das situações apresentadas acima, é possível perceber que a Terceirização de serviços de TI pode oferecer inúmeros benefícios para uma empresa ou órgão público. Gostou deste post? Então assine a nossa newsletter e receba novas informações como essa em seu e-mail!